ATENÇÃO! Trabalhador com nome sujo agora pode pedir empréstimo da Caixa! Veja como funciona

O crédito poderá ser solicitado pelo trabalhador que inclusive estiver com o nome sujo no Serasa/SPC

ATENÇÃO! Trabalhador com nome sujo agora pode pedir empréstimo da Caixa! Veja como funciona

Nome Sujo – Estar com o nome negativado nos órgãos de proteção ao crédito como SPC e Serasa, acaba dificultando e muito a contratação de empréstimo.

 

Todavia, na última semana a Caixa Econômica Federal lançou um novo microcrédito no valor de R$ 1 mil que também poderá ser solicitado pelo trabalhador que estiver com o nome sujo.

 

 

 

Segundo Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, esta é a primeira vez que o banco oferece empréstimo para o cidadão com nome sujo.

 

Novo microcrédito da Caixa

A nova opção de microcrédito da Caixa estará no ar a partir do dia 28 de março, e além do cidadão que também está com nome sujo, o Microempreendedor Individual (MEI) também poderá participar.

 

Contudo, a diferença é que para o MEI o microcrédito será no valor de até R$ 3 mil, enquanto o crédito para o cidadão comum será limitado em até R$ 1 mil.

 

 

O novo empréstimo é relativo ao programa SIM Digital e contará com as seguintes propostas:

 

Pessoa física: empréstimo de até R$ 1 mil, taxa de juros mensal a partir de 1,95% ao mês e 24 meses para pagar;

 

A contratação será feita diretamente pelo aplicativo Caixa Tem, bastando concordar com os termos do empréstimo e aguardar até sete dias para análise.

 

MEI: empréstimo de até R$ 3 mil, taxa de juros mensal a partir de 1,99% ao mês e 24 meses para pagar.

 

 

Para o MEI a contratação inicialmente será exclusiva em uma agência da Caixa e será necessário ter pelo menos 12 meses de faturamento de qualquer valor com seu respectivo CNPJ.

 

Atenção! O microcrédito tem como objetivo formalizar os trabalhadores informais e liberar opções de crédito para o MEI, sendo assim, o interessado deverá utilizar o empréstimo para aumentar o capital de giro, para a compra de insumos para o seu negócio, ou investimento do negócio produto.

Fone: Jornal Contábil